Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Caracol

Um blogue pseudo-humoristico-sarcástico. #soquenão #ésóparvo

Dicionário de nomenclatura fit para totós - Exercícios parte I

 

dic.png

 Se houve coisa que aprendi com isto é que vocês são muito imaginativos no que toca ao exercício. Da lista que tenho apenas três (em 18 nomes) foram auto-sugeridos, o resto foi tudo sugerido por vocemesses. Claro quando se me iluminou a mente com a segunda ideia quis matar-vos, mas pronto foi por um bem maior e alguém tem que ser altruísta o suficiente para sofrer em prol do bem da humanidade. 

Dividi a coisa para não ficar demasiado extenso e para não vos maçar. Aqui vai a primeira parte:

 

Abs Superman 

 

Semelhança com o super homem só mesmo o nome  e o único super poder que vais adquirir é a arte de bater com o corpo no chão sem bater com os queixos na barra - ou no chão. O truque é não "esticar demasiado a corda" ou corres o risco de: A) não conseguir voltar atrás; B) partir os dentes; C) partir o nariz; D) todas as outras ao mesmo tempo. Garantido é que vais sentir que te estão a rasgar TODO o abdominal, mas sossega que isso passa e talvez uma semana depois já não sintas nada. 

 

Bícep Martelo 

 

Sosseguem, ninguém vos pedir para ir para as obras. O único instrumento que vão utilizar serão pesos (sob a forma de halteres, usualmente) e é só o exercício mais secaaaaaaa que existe à face da terra. É um bocado como comer batatas com bacalhau todos os dias - é fixe, mas monótono.  A não ser que tenhas 50kg em cada braço, aí és capaz de dizer um bocado mal da tua vida. 

 

Borboleta 

 

Que nome tão enganador para um tão penoso exercício! A pessoa ouve "BORBOLETA!" e pensa em subtileza, em gentileza, na beleza de uma mariposa delicada. Esqueçam lá isso. É para agachar e afastar e juntar os joelhos numa dança dolorosa que te deixará as coxas carbonizadas. 

 

 

Burpees

Gamando a piada a um compincha e traduzindo à letra: Basta Uma Repetição Para Eu Estar Suado. Sou suspeita, porque lhes acho piada, mas a verdade é que bastam cinco para ver estrelas e dez para rebentar com os pulmões. O burpee é, no fundo, o jihadista do fitness: ninguém suspeita dele, até o curtem na verdade, mas depois explode-vos com o sistema músculo-esquelético-respiratório em três tempos.

 

Cangurus

 

À semelhança dos burpees, os cangurus têm um problema enorme com as repetições. São giros que fartam, mas aniquilam toda a vontade de continuar a fazer o que quer que seja - a não ser uma banhoca quentinha. Lembram os tempos de escola e a alegria de pular só porque sim, daí lhes achar alguma graça. 

 

 

 

Cátia Leg Curl

 

Vais morrer. Vais ter uma morte lenta, dolorosa e excruciante. Adorava estar a exagerar, mas não estou. Da primeira vez que o fiz tive de olhar três vezes para as coxas para me certificar que não tinha nenhuma ferida exposta no fémur - só na primeira ronda. Ao final da terceira já não sabia quem era ou como tinha ido ali parar. É tão bom, mas tão bom, que um dia faço um post só dele. 

 

Clean and Press 

 

Não, não é o novo sistema de limpeza turbo da Vileda. É mesmo um exercício de braços - e tudo o resto. Requer técnica (bastante) e é díficil de atinar com o movimento de braços. Era muito mais giro se fosse um kit de limpeza, acreditem.

 

Cobra

 

É lindo de morrer. E digo-o sem ironia nenhuma, é mesmo bonito o raio do exercício. Quando é bem feito, claro está. Quando não se tem destreza suficiente, o mais certo é estatelar o peito no chão e demorar três vidas a empurrar o rabo de cimento de volta à posição inicial. E não falemos da ondinha, porque ou se tem muita fluídez de movimento ou corremos o risco de parecer um tsunami misturado comum terramoto de 9.5 na escala de Richter. 

 

Crunch 

 

Escusas de lamber os beiços, não há guloseimas para ninguém, mas se fizeres isto bem feitinho é provável que sintas o abdominal todo a estalar de dor. Eu acho que este exercício requeria um equipamento técnico à altura. Como uma grua, por exemplo. Era o ideal para quem, como eu, tem o tronco três vezes mais pesado que o rabo. Tanta imaginação e ainda ninguém pensou naquilo que é de facto importante na execução de um exercício.

 

Vá, confessem lá, qual destes é que não conhecem? 

Exatamente. Por isso mesmo é que me lembrei da utilidade deste vídeo: 

 

Sim, a totó de serviço sou eu mesma. A ideia é mostrar como se sentiria alguém "normal" a executar aquilo que lhe é proposto e demonstrar que é possível fazer com alguma persistência (da nossa parte) e paciência (de quem nos ajuda). 

Divirtam-se! 

 

 

 

6 comentários

Comentar post