Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Caracol

Um blogue pseudo-humoristico-sarcastico e que afinal é só parvo.

Estou feita ao bife

Eu já não o podia ouvir. Todos os santos dias, mal transpunha a porta de entrada, lá o ouvia a gritar dos confins da cozinha:"Cuidado com as paredes!" Não pessoas, ele não estava preocupado que eu magoasse ao embater numa parede, nem tampouco me estava a chamar gorda. A única preocupação do homem eram mesmo as paredes que haviam sido pintadas há cerca de 15 dias.

Eu sou pessoa desastrada, que sou, mas como raio conseguiria estragar paredes é coisa que ainda estava para perceber. Até entrar hoje no nosso quarto: no imaculado salmão de uma parede, mesmo no fundinho junto ao chão, lá estavam os miseráveis de uns riscos pretos.

Rais parta o homem! Tanto agoirou, que alguma parede haveria de aparecer estragada! E tinha que ser logo a do MEU lado cama! Como fiz aquela bodega, é coisa que ainda estou para perceber. Talvez tenha sido com o portátil, não faço ideia. Sei que o homem ainda não sabe (bico fechado estão a ouvir? Ele não lê o blogue, portanto se vier a descobrir, vocês serão os culpados), e rezo a todos os santinhos para que não vá ao quarto antes de eu chegar a casa e tentar remediar o irremediável. Pelo sim, pelo não, deixei as portadas fechadas, mas podemos sempre contar com a electricidade, não é verdade?

Já tentei limpar a parede com um pano húmido, mas a porcaria teima em fazer-se notar. Ainda me passou pela mente ir buscar um bocadinho de tinta igual à garagem e retocar aquilo, mas tive algum receio de fazer lodo... O que, convenhamos, não seria improvável.

Preciso desesperadamente da vossa ajuda.

Alguém por aí sabe como limpar paredes de forma eficaz e rápida? Algo que não precise de livro de instruções, não desbote a cor e fique impecável, já agora. Alguém? Por favorzinho? Ajudem lá a grávida a não pernoitar com os canídeos, não é que não lhes aprecie a companhia, mas gosto do meu colchão.