Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Caracol

Um blogue pseudo-humoristico-sarcástico. #soquenão #ésóparvo

Atletas Anónimos - A Claúdia

Hoje, aqui na taberna, temos uma compincha do ginásio, a Cláudia. Além de incentivar pessoas a cometer loucuras, como aulas de jump e corridas de 10km, também é capaz de falar só com bonequinhos do facebook. E isso merece todo o nosso respeito. Isso e a força de vontade, como poderão comprovar de seguida. 

 

Iniciei no gym a 9/10/14. Pronto, fiz a inscrição vá... Ate ao final desse ano, devo ter ido umas 10/12 vezes treinar....não te sei precisar... Iniciei no gym numa de brincadeira com uma colega de trabalho que também queria ser fit. Os primeiros meses foi mesmo naquela....vamos hoje, amanha já não vamos, no dia a seguir não apetece....estas a ver o filme, né? Desde pequena que tenho excesso de peso, mas o crítico mesmo foi desde que comecei a trabalhar. A falta de horário para refeições... Cheguei ao peso mórbido de 110 kg.... E achava sempre que nunca tinha tempo de fazer fosse o que fosse por mim....se é que me entendes....

Apesar de entrar no gym numa de "brincadeira", a verdade é que eu já há muito tempo que o queria fazer, para poder perder peso, mas os complexos, a insegurança e a preguiça nunca me tinham permitido, assim como a suposta "falta de tempo".

E depois tens aquele factor: começas a ir acompanhada, mas de repente a tua colega decide ir só quando lhe apetece....e quase nunca lhe apetece. E tu tens duas hipóteses: ou perdes a vontade de ir ou lutas contra as tuas vontades e vais...mesmo com toda a insegurança e "medo".

 

Mas não perdeste motivação e isso é que importa. Como a consegues manter?

Epá é difícil, acredita, mas cada vez que penso que pesei 110 kg e vendo fotos desse tempo leva-me a não querer voltar a estar assim. E o facto de gostar de como estou agora leva - me a não desistir e seguir em frente.

 

Nunca pensas em adiar um treino? Em deixar para amanhã porque hoje não te apetece?

Claro que sim, não sou de ferro....Mas não o posso fazer. Acordo e penso hoje não me apetece nada sair da cama... Mas depois lembro-me da Cátia, dela a dar-me cabo do juízo e penso "não, tenho de ir treinar." Tem mesmo de ser e o que tem de ser tem muita força.
Eu também era como tu.Aliás, em várias alturas da minha vida fui bastante fraca e sem amor próprio, mas depois cresces....E falo crescer em termos de maturidade e não físicos. Aprendes que acima de tudo primeiro tu e para te sentires bem contigo tens de fazer o que gostas e te faz bem. O gym faz-me bem em termos físicos e psicológicos. E eu adoro! 
 

(Vou ignorar, deliberadamente, que me chamaste fraca nas entrelinhas. Vai sair-te caro. :P)

Quanto pesas agora? 

Neste momento 83, porque vacilei. Já estive nos 77, mas após duas semanas de férias foi o terror e aumentei peso....O meu objectivo é chegar aos 70/75 kgs até ao verão ou antes.

Tenho lido que há uma parte do peso que é fácil de perder, mas que com o passar do tempo se torna mais difícil. É verdade? Demoras mais tempo a obter os resultados que procuras?

Sim, é verdade. No inicio perdi facilmente em 6 meses 30 kgs. Mas depois tornou-se mais difícil e o facto de ter vacilado levou-me a aumentar novamente o peso. Nesse meio ano aliado ao gym fazia também uma dieta onde cortei por completo hidratos, leite, pão, cereais, iogurtes....Basicamente só comia carne, peixe, legumes, frutos secos e bebia muita água.

Como conseguias manter a variedade de refeições? Eu olho para o que descreves e vejo SEMPRE a mesma coisa...

Basicamente, era sempre o mesmo, sim, mas a forca de vontade era grande. 

A Claúdia de antes

 

Além dos 70kg, que irás ter até ao Verão, tens mais algum objetivo para este ano?

Epá acima de tudo ser feliz! Gostava de mudar outras coisas, mas a ver vamos... Quem sabe não me sai a sorte grande? 

Tens uns horários um bocado alucinados, já percebi. Como conseguiste - e continuas a conseguir - inserir o ginásio na tua rotina diária?

Bem, eu ora abro, ora fecho, portanto: quando abro faço gym depois do trabalho, quando fecho faço antes. Nas folgas treino de manha e à tarde. 

Antes do gym, ocupava as folgas e as manhãs ou as tardes antes/depois do trabalho a dormir. Basicamente, passava os dias a comer e dormir. Uma vez por outra até saía para um café com um amigo ou familiar, mas o normal era dormir o dia todo. Passei a ocupar esse tempo de preguiça a treinar. Quando antes pensava não ter tempo para nada, muito menos treinar, achando que o tempo que passava na preguiça era precioso. percebi que o corpo e a mente também precisam de descanso, mas na medida certa, nem muito nem pouco. Aprendi a gerir esse tempo.

Em termos de resistência física, notas muita diferença?

Sim, claro, ao inicio corria 2 minutos, se tanto, e quase morria....hoje orgulho-me de conseguir correr 10km! 

 Ao inicio não aguentava quase nada, mas com o passar do tempo e a perda de peso, tenho bastante mais resistência do que antes. 
 

Imagina agora que do outro lado do ecrã tens uma pessoa pachorrenta, tipo eu, que está a ler isto enquanto emborca um pacote de batatas fritas bué gordurosas. Como a tentarias incentivar a ir contigo ao ginásio?

Bem, primeiro não adianta tentares persuadir ninguém a levantar o cu do sofá, sem que essa pessoa esteja disposta a tentar sequer. Até porque eu sei o que isso é, já passei por essa historia toda. Sei que por mais que me dissessem que eu estava gorda (não gosto nada desta palavra....), apesar de achar o mesmo não "queria" fazer nada para contrariar tal argumento. Se é que me entendes.... No meu caso teve de haver aquele click no cérebro para eu acordar para vida e querer lutar por mim e pelo meu futuro.

Mas bem,o que eu diria é o que eu te digo a ti para vires a uma petrus*: anda tentar, desafia te a mudar, a tornar o teu futuro diferente.

Eu sei que já falaste em cima, mas, além de ti, que o mérito é só teu e todo teu, queres deixar umas palavrinhas a alguém?

 Não o mérito não é só meu, faço sempre questão de dizer. Graças à Cátia eu ainda continuo a lutar por mim e foi graças à insistência dela que eu comecei a treinar a sério e consegui os objectivos iniciais. Foi graças à amizade dela, à preocupação, insistência e persistência dela que eu comecei, continuei e continuo.... É uma grande mulher mesmo.

A Claúdia de agora. E não a viram em cima de um trapolim, com dois pesos em cada mão. 

Claúdia, amore, és grande! Muito grande mesmo! Prometo tentar acompanhar-te, mas não está fácil... ;) Uma grande beijoca. 

 

*A Petrus é a minha última loucura, a tal corrida de 10km. 

6 comentários

Comentar post